DeRose Meditation

Power skills para desbloquear seu máximo potencial

As empresas que tinham como padrão o trabalho presencial sentiram mais os efeitos do distanciamento sobre a produtividade de suas equipes e notaram a necessidade de requalificar muitos de seus colaboradores. Mas não estamos falando de habilidades técnicas ou digitais. Estamos nos referindo às power skills, habilidades fundamentais a qualquer executivo ou empreendedor que busque prosperar no cenário atual.

Power skills para desbloquear seu máximo potencial

Descubra porque, dentre tantas habilidades que precisamos desenvolver, as power skills se tornaram tão relevantes para prosperar no futuro do trabalho com bem-estar mental

Você sentiu falta de habilidades que te dessem poder para superar os desafios trazidos com a mudança para o trabalho remoto ou híbrido?

As empresas que tinham como padrão o trabalho presencial sentiram mais os efeitos do distanciamento sobre a produtividade de suas equipes e notaram a necessidade de requalificar muitos de seus colaboradores. Mas não estamos falando de habilidades técnicas ou digitais. Estamos nos referindo às power skills, habilidades fundamentais a qualquer executivo ou empreendedor que busque prosperar no cenário atual.

Os líderes que tiverem desenvolvidas as power skills vão ser os mais desejados pelo mercado, assim como serão mais atrativas as empresas que investirem no treinamento de seus colaboradores para desenvolver essas habilidades. 

Os profissionais que atravessaram os últimos dois anos mantendo a performance elevada e bons resultados, foram aqueles que tinham maior tolerância ao estresse, resiliência e capacidade de se adaptar às mudanças rápidas do mercado e de estilo de vida.

Entenda por que as power skills se tornaram tão relevantes para desbloquear seu máximo potencial no futuro do trabalho, sem perder seu bem-estar mental.

Por que power skills?

Até pouco tempo, muitas destas habilidades comportamentais, conhecidas como "soft skills" ou "human skills", começaram a ser reconhecidas como "power skills". Isso porque o novo cenário demonstrou o importante papel delas em proporcionar poder no trabalho. Poder para colaborar, poder para comunicar de maneira efetiva, poder para liderar, e prosperar mesmo diante da incerteza.

Segundo um analista da indústria global, Josh Bersina ideia de que deveríamos chamar "soft skills" de "power skills" foi mencionada por um dos palestrantes de uma conferência realizada nos Estados Unidos.

"Essas habilidades não são "soft" - elas são altamente complexas, levamos anos para aprendê-las e seu escopo está sempre mudando. Considere o número de habilidades necessárias para ser um CEO: “vontade de ser flexível, ágil e adaptável às mudanças”. 

Só isso já representa uma bagagem enorme de traços de personalidade, mentalidades, habilidades e experiências", afirma Bersin.

Gustavo Oliveira, CEO da DeRose – The Power Skills Platform, diz que essas são as habilidades intrínsecas do ser humano e que, hoje, são essenciais para superar as dificuldades, os desafios, a complexidade, a volatilidade e a aceleração do mundo. Ele diz que "diferente das soft skills, que têm como principal propósito suavizar as relações profissionais, as power skills aumentam o potencial do profissional em enfrentar o cenário incerto e em rápida transformação, no qual vivemos hoje".

De acordo com uma pesquisa da IBM, as habilidades que estamos chamando de power skills são responsáveis pela capacidade de transformação, mudança e adaptabilidade dos profissionais ou empresas. Habilidades que alicerçam a capacidade de performar melhor no ambiente de trabalho e no mercado atual.

"As powers skills sempre foram uma parte importante do aprendizado no ambiente de trabalho, e sua importância só tem se tornado mais fundamental à medida que a força de trabalho em todo o mundo navega as mudanças dos últimos anos. Tornar os colaboradores aptos a desenvolver suas power skills relacionadas à comunicação, colaboração e às mudanças na liderança, são a chave para construir negócios ágeis e culturas corporativas fortes", afirma Melissa Daimler, Diretora de Aprendizagem da Udemy.

Bem-estar mental como a power skill fundamental

Diante deste cenário, muitas vezes caótico, o bem-estar mental tornou-se a power skill fundamental para o desenvolvimento de todas as demais habilidades comportamentais citadas no relatório do Futuro do Trabalho 2025, pelo Fórum Econômico Mundial. São elas:

  • Aprendizagem ativa e estratégias de aprendizagem
  • Solução de problemas complexos
  • Pensamento crítico e análise
  • Inteligência Emocional
  • Raciocínio, resolução de problemas e ideação
  • Criatividade, originalidade e iniciativa
  • Liderança e influência social
  • Pensamento analítico e inovação
  • Resiliência, tolerância ao estresse e flexibilidade


Fernanda Neis, CFO da DeRose - The Power Skills Platform, afirma que as power skills são aquelas que aprimoramos nas relações com pessoas que as vivenciam, que têm experiência em aplicá-las e que, portanto, tornam-se exemplos dessas habilidades. 

"Você pode treinar uma pessoa para programar um computador, para ela fazer uma venda, para ela ensinar um conteúdo, através de vídeos e livros, mas as power skills precisam ser maturadas com o tempo e de um acompanhamento de pessoas que já vivenciam esta experiência de exercitar, diariamente, o desenvolvimento dessas habilidades", afirma Fernanda.

As power skills são muitas vezes mais relevantes que as hard skills e as digital skills

A pesquisa da IBM afirma que as digital skills continuam muito relevantes, especialmente com a transformação digital acelerada, mas também descreve que as power skills já as ultrapassaram muitas vezes em importância para navegar os desafios atuais e os que estão por vir.

Desenvolver hard skills e digital skills também pode ser uma estratégia para aumentar sua adaptabilidade às mudanças do mercado. Mas, como testemunhamos nos últimos anos, elas não foram suficientes para evitar o aumento do absenteísmo, do turnover, a perda de talentos e as quedas de produtividade.

Pelo contrário, foi justamente a ausência de foco no bem-estar mental e no desenvolvimento de tolerância ao estresse, resiliência e adaptabilidade que fez a performance e a saúde de líderes e colaboradores se degradarem tanto.

Desenvolver power skills para a atração e retenção de talentos

Outra pesquisa da Mckinsey revelou que mais da metade dos profissionais que deixaram seus empregos nos últimos 6 meses não se sentiam valorizados pela organização (54%), por seu gerente (52%), ou não experimentaram um senso de pertencimento (51%). 

Há mais de 60 anos ensinando reprogramação comportamental, o Professor DeRose descreve que as principais habilidades que os executivos precisam desenvolver para prosperar hoje são aquelas que lhe dão poder para cultivar bons relacionamentos humanos, especialmente a empatia.

"Se os relacionamentos dos empresários entre si, e deles com suas equipes forem mais azeitados, com base na conciliação ao invés do conflito, o ambiente de trabalho passa a ser um local onde o colaborador quer estar. E, por efeito cascata, se o líder da alta administração se relaciona bem com a média liderança, por efeito reflexo esses líderes irão se relacionar melhor com suas equipes e, assim por diante", afirma DeRose.

Dessa maneira,o colaborador passa a desejar crescer junto com a empresa, e esta se torna mais atraente para trazer e reter talentos, cultivando um ambiente onde cada um se sente acolhido e é, constantemente, munido de ferramentas para desbloquear seu máximo potencial.

Uma cultura de adaptabilidade e aprendizado contínuo

Uma das conclusões do estudo da Mckinsey Building workforce skills at scale to thrive during—and after—the COVID-19 crisis, é que as empresas precisam desenvolver as habilidades de seus times de forma integrada. Dentre as competências prioritárias estão a capacidade de liderança e gerenciamento de pessoas, o pensamento crítico e tomada de decisões e a gestão de projetos.

Segundo a Mckinsey, é preciso "construir culturas em que habilidades, e formas de trabalho novas e em evolução, possam ser desenvolvidas, e onde a adoção do aprendizado contínuo seja a chave para a relevância no local de trabalho. E os líderes devem fazer isso, enquanto embarcam num experimento organizacional mais amplo: determinar como será o ambiente de trabalho em um mundo pós-COVID-19".

Diante desses dados e desta realidade, te convido a mudar a maneira como você se refere a essas habilidades comportamentais, com a convicção de que ao desenvolvê-las, em si mesmo e em sua equipe, estará provendo poder para cada um prosperar no trabalho e na vida. 

No trabalho, desenvolvendo as lideranças que vão conduzir as equipes e empresas a navegar com sucesso pelos desafios que estão por vir. Líderes que vão encabeçar o processo de construção de uma cultura corporativa de adaptabilidade e inovação, em que o ambiente seja motivador, confiável e promova coesão e senso de pertencimento.

Na vida, oferecendo condições para que cada um realize seus sonhos e objetivos, vivendo presentes e realizando o propósito pessoal em conciliação com o sucesso profissional.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Sumário

Nunca perca um insight.
Assine a nossa newsletter!

Nome*
In which language would you like to receive our communications?
Authorized*

Últimos Artigos

Emotional Intelligence
Gus Oliveira

Uma jornada para ativar seu potencial criativo

A creative potential has always been relevant for business leaders. After all, to create a company, a product, or a service you have to be creative enough to solve the array of questions that come up along the way. But now, more than just business leaders are looking for innovative ways to successfully navigate the rapidly changing world. Creativity is quickly becoming a survival skill essential for people from all walks of life, not just entrepreneurs and artists.

Read More »
man in black crew neck shirt
Emotional Intelligence
Gus Oliveira

Táticas para desenvolver sua inteligência emocional

Muitos profissionais ainda acreditam que reprimir as emoções é a melhor solução para lidar com o estresse. Mas não poderia haver maneiras melhores e mais eficientes de gerenciar uma emoção? Afinal, se a repressão fosse a resposta, já teríamos resolvido todos os nossos problemas emocionais, certo? Gostaria de convidá-lo a dedicar um tempo para observar essas táticas práticas fáceis que você pode aplicar diariamente. Aumentar seu quociente emocional é uma verdadeira revolução comportamental que impactará positivamente sua vida pessoal e profissional.

Read More »
Focus & Sustainable Performance
Gus Oliveira

Ferramentas para alcançar uma performance sustentável

A simple way to achieve sustainable performance is to avoid overloading the body and mind. Once you go beyond a certain point in which your body and mind are under unrelenting demand – something that is easy to do these days- you enter a state of chronic stress. This constant state of stress can significantly decrease your performance and eventually culminate in panic attacks or burnout. How can you keep pushing the envelope to give your best while managing the time and effort you put in so that you don’t go too far?

Read More »

Online Interactive Classes in Real-Time

Respiração. Mindfulness. Meditação.